Notícias



Na manhã desta segunda-feira, 29, a defensora-geral, Simone Santiago, juntamente com a subdefensora-geral, Roberta Caminha, e a ouvidora-geral, Solene Costa, receberam na sede da Defensoria Pública do Acre, as representantes da diretoria executiva da Associação de Mulheres Negras do Acre, Almerinda Cunha e Roselene Lima.

 

Reunião com representantes da Associação de Mulheres Negras do Acre . Foto: Felícia Lanay/Ascom DPE 

A visita teve como finalidade a entrega da Carta das Mulheres Negras, documento elaborado durante o Encontro Estadual de Mulheres Negras e Indígenas, realizado nos dias 30 e 31 de julho, além da entrega do Manifesto do dia 20 de novembro.

 

Ambos os documentos apontam preocupação com a crescente situação de miséria e vulnerabilidade social em que vive a população negra e pobre do país, principalmente para mulheres negras vítimas de racismo, machismo, misoginia, feminicídio, discriminações e violência.

 

Defensoria Pública manifesta apoio à causa. Foto: Felícia Lanay/Ascom DPE

A Associação de Mulheres Negras do Acre cobra do poder público a efetivação das políticas públicas e ações imediatas de investimento na educação, punição para os agressores e a sensibilização da sociedade para a temática. 

 

Na ocasião, a defensora-geral manifestou apoio à causa e destacou o reconhecimento de âmbito nacional por meio do “Selo Esperança Garcia – Por uma Defensoria Antirracista”, recebido pela instituição em virtude das ações e iniciativas voltadas à promoção da equidade racial e luta antirracista.



CONFIRA NOSSA GALERIA DE IMAGENS


Nós usamos cookies para melhorar sua experiência de navegação no portal. Ao utilizar o www.defensoria.ac.def.br, você concorda com a política de monitoramento de cookies. Para ter mais informações sobre como isso é feito, acesse nossa Política de cookies. Se você concorda, clique em ACEITO.